Blog

  • Home
B5390BA3-90AA-480F-81F3-B3E6C0053008

A Esfinge, que guarda eterno silêncio nas areias do Egito, era, segundo a lenda grega, um monstro que devorava os viajantes que não conseguiam responder ao enigma por ela proposto: “Qual a criatura que anda com quatro patas de manhã, duas pernas ao meio-dia e três à noite?”.

A Esfinge confrontava os seres humanos com a indagação “O que é um ser humano?” – uma pergunta que a política, a economia, a ciência, a medicina, a literatura, a filosofia e a religião sempre buscaram responder.

Cada pessoa deve encontrar a própria resposta. Na presença da Esfinge, ninguém pode falar pelo outro, nem é permitido repetir palavras alheias.

Este é um dos assuntos do livro “Porque vivemos”, de Kentetsu Takamori.

mm
Professor de filosofia budista, cultura japonesa e pensamento nipónico, autor, diretor de conteúdo e presidente da ITIMAN. Diretor internacional da Ichimannendo Publishing Co. Ltd. - Tóquio, Japão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *